Premix Concreto
Economia

Embraer adota plano de demissão voluntária no Brasil

09 Ago 2016 - 12h26
A Embraer iniciará nos próximos dias negociação com sindicatos para implantar um programa de demissão voluntária (PDV) no Brasil, que aliado a outras medidas de redução de custos tem como objetivo economia de US$ 200 milhões.

A companhia ainda não definiu os critérios do PDV ou a meta de adesão de funcionários. A Embraer emprega 17 mil funcionários no Brasil.

"Um dos objetivos é economizar US$ 200 milhões", afirmou um assessor da Embraer, acrescentando que a empresa ainda está revendo custos que incluem contratos com fornecedores.

No fim de julho, a Embraer anunciou corte da estimativa de receita e de entregas de jatos executivos neste ano. Além disso, a empresa fez provisão de US$ 200 milhões para por fim a um processo nos Estados Unidos em que é acusada de suborno, o que gerou prejuízo no segundo trimestre e queda no valor das ações da companhia.

O assessor da Embraer disse nesta segunda-feira (8) que o objetivo de economia de US$ 200 milhões com o PDV e outras iniciativas não tem relação com a provisão registrada por causa das investigações contra a companhia nos EUA. As informações são do jornal O Estado de São Paulo.

Matérias Relacionadas

Economia

Sicredi é destaque em 13 categorias do anuário Melhores & Maiores 2020

Instituição figura em posições relevantes do guia pelo nono ano consecutiv
Economia

Primeira parcela do 13º salário deve ser paga até hoje

Por causa da pandemia de covid-19, o décimo terceiro dos aposentados e pensionistas do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) foi antecipado
Primeira parcela do 13º salário deve ser paga até hoje
Eleições 2020

Barroso diz que abstenção de eleitores foi maior que o desejável

Abstenção dos eleitores no segundo turno foi de 29,50%
Barroso diz que abstenção de eleitores foi maior que o desejável
Economia

Santa Catarina gera mais de 32 mil empregos, melhor outubro da história

No acumulado do ano, Santa Catarina apresenta o melhor desempenho entre todos os estados, com um saldo de 35.210 carteiras assinadas.
Santa Catarina gera mais de 32 mil empregos, melhor outubro da história
Ver mais de Brasil