Covid - 19
Cunha

Cunha e Henrique Alves viram réus no caso de propina envolvendo FGTS

27 Out 2016 - 10h22
O juiz Vallisney de Souza Oliveira, da primeira instância da Justiça Federal em Brasília, recebeu denúncia contra o ex-presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha, e o ex-ministro do Turismo Henrique Eduardo Alves. Ambos são denunciados por prática de crimes envolvendo recebimento de propina de empresas interessadas na liberação de verbas do Fundo de Investimento do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FI-FGTS).

O juiz determinou citação dos réus, que devem apresentar resposta em dez dias. A denúncia tinha sido apresentada pela Procuradoria-Geral da República ao Supremo Tribunal Federal (STF), mas com a cassação do mandato de Cunha e sua consequente perda de foro privilegiado, o processo foi remetido à primeira instância. As informações são da Agência Brasil

Matérias Relacionadas

Economia

Confira o calendário para saque em dinheiro do auxílio emergencial

Caixa anunciou cronograma de pagamentos que vai de julho a setembro
Confira o calendário para saque em dinheiro do auxílio emergencial
Saúde

Covid-19: Brasil registra 69,1 mil mortes e 1,75 milhão de casos

Há 632 mil pessoas em acompanhamento e 1.054.043 estão recuperadas
Covid-19: Brasil registra 69,1 mil mortes e 1,75 milhão de casos
Educação

Bolsonaro promete anúncio de novo ministro da Educação nesta sexta

Presidente falou em uma pessoa "conciliadora" para o cargo
Bolsonaro promete anúncio de novo ministro da Educação nesta sexta
Esportes

CBF anuncia novo calendário do futebol brasileiro

Início das Copas Libertadores e Sul-Americana segue indefinido
CBF anuncia novo calendário do futebol brasileiro
Ver mais de Brasil