Unimed - Capa
Câmara

Congresso não termina de votar LDO

24 Ago 2016 - 12h43
Por falta de quórum, o Congresso Nacional, em sessão conjunta entre deputados e senadores, não conseguiu terminar de votar, na madrugada desta quarta-feira (24), a Lei de Diretrizes Orçamentária (LDO) de 2017, que prevê déficit primário (despesas maiores que receitas, sem contar os gastos com juros da dívida) de R$ 139 bilhões.

A sessão, que durou quase 15 horas, teve início por volta das 11h30 da manhã e o texto-base foi aprovado por volta de meia-noite. Havia ainda uma série de destaques, propondo a alteração do texto, que precisavam ser apreciados pelos parlamentares.

Ainda não há data marcada para que os parlamentares concluam a análise dos dois destaques ao texto da LDO.

LDO
A LDO traz metas de receitas e gastos e estabelece os parâmetros para a elaboração do Orçamento da União para o ano seguinte.

 

As informações são do G1

Matérias Relacionadas

Geral

Rio não terá desfile de blocos de rua no carnaval de 2021

Sem vacina contra covid-19, evento é inviável, dizem especialistas
Rio não terá desfile de blocos de rua no carnaval de 2021
Economia

Ministra da Agricultura diz que nova safra pode reduzir preço do arroz

Tereza Cristina disse que a pandemia desequilibrou o mercado de grãos
Ministra da Agricultura diz que nova safra pode reduzir preço do arroz
Economia

Auxílio Emergencial: Caixa abre ciclo 4 de pagamentos

Beneficiários de janeiro e do Bolsa família recebem mais uma parcela
Auxílio Emergencial: Caixa abre ciclo 4 de pagamentos
Economia

Jaraguá fecha setembro com saldo positivo de 650 vagas de emprego abertas

Praticamente 90% foi gerado pela indústria
Jaraguá fecha setembro com saldo positivo de 650 vagas de emprego abertas
Ver mais de Brasil