Futebol

Chapecoense empata com San Lorenzo e fica perto de inédita final

03 Nov 2016 - 13h56
Os gols no estádio Nuevo Gasómetro, em Buenos Aires, foram marcados por Cauteruccio, no primeiro tempo, e Ananias, na etapa final. A segunda partida da semifinal acontecerá somente no dia 23, na Arena Condá, em Chapecó (SC).

O empate sem gols classifica a equipe brasileira para a decisão. Novo placar de 1 a 1, a vaga será definida nos pênaltis e se o resultado de igualdade for igual ou superior a dois gols, os argentinos se beneficiam. Quem vencer estará classificado.

 

Jogando sua primeira semifinal de uma competição internacional, a Chapecoense não se intimidou diante do campeão da Taça Libertadores de 2014 e começou a partida pressionando o San Lorenzo. Os atacantes Tiaguinho e Ananias levaram perigo para a meta do goleiro Sebastián Torrico. Porém, foram os argentinos que abriram o placar.

Aos 30 minutos, Cauteruccio cobrou falta pela esquerda. A bola passou por todos os jogadores e parou somente dentro do gol de Danilo. O time catarinense ainda pressionou, mas foi para o intervalo em desvantagem.

Na etapa final, empurrado pela sua torcida, o San Lorenzo voltou a campo com o objetivo de aumentar a vantagem. No entanto, após perder boas oportunidades, a Chapecoense, aos 16 minutos, conseguiu chegar ao empate.

Após um cruzamento pelo lado esquerdo, o atacante Ananias aproveitou um escorregão do zagueiro da equipe argentina e marcou o gol. Nos minutos seguintes, a Chapecoense conseguiu segurar o ímpeto do San Lorenzo e após o apito final comemorou o bom resultado na casa do adversário.

O vencedor do duelo entre Chapecoense e San Lorenzo disputará o título com Cerro Porteño-PAR e Nacional de Medellín-COL, que ontem empataram o primeiro confronto em 1 a 1, no Paraguai.

 

Matérias Relacionadas

Economia

IBGE mostra 83,5 milhões de ocupados na segunda semana de junho

Resultado aponta estabilidade ante a semana anterior
IBGE mostra 83,5 milhões de ocupados na segunda semana de junho
Geral

Governo destinará R$ 500 milhões para proteger mata nativa da Amazônia

Programa Floresta+ começa com projeto-piloto no Norte do país
Governo destinará R$ 500 milhões para proteger mata nativa da Amazônia
Futebol

Fluminense avança e Vasco é eliminado da Taça Rio

Apesar da má atuação a equipe de Odair Hellmann garantiu a liderança do Grupo B
Fluminense avança e Vasco é eliminado da Taça Rio
Geral

Bolsonaro vai sobrevoar regiões atingidas por ciclone

O governador de Santa Catarina Carlos Moisés confirmou que vai decretar estado de calamidade pública no estado por conta dos estragos.
Bolsonaro vai sobrevoar regiões atingidas por ciclone
Ver mais de Brasil