Eleições 2020
Brasil

Brasil cai para a 81ª posição em ranking de competitividade

28 Set 2016 - 11h26
O Brasil perdeu mais 6 posições no ranking das economias mais competitivas do mundo, caindo para a 81ª colocação em 2016 -– a pior posição já atingida no ranking de competitividade elaborado desde 1997 pelo Fórum Econômico Mundial.

A pior colocação até então tinha sido o 75º lugar, registrado no ano passado. Em 4 anos, o Brasil caiu 33 posições, revelando o agravamento da crise econômica e o declínio da produtividade no país.

O ranking de 2016 avalia 138 países e foi divulgado nesta terça-feira (27) no Brasil pelo Fórum Econômico Mundial em parceria com a Fundação Dom Cabral (FDC). O levantamento é uma espécie de termômetro do nível de produtividade e das condições oferecidas pelos países para gerar oportuniades e para que as empresas possam obter sucesso.

Após 4 anos consecutivos de perda de posições, o Brasil está, agora, abaixo de países como Albânia, Armênia, Guatemala, Irã e Jamaica, além de ter ficado ainda mais atrás de países comoChile(que subiu 6 posições, para 51º lugar) África do Sul,México, Costa Rica, Colômbia, Peru e Uruguai.

 

As informações são do

Site G1

Matérias Relacionadas

Economia

Mega-Sena sorteia nesta quarta-feira prêmio de R$ 45 milhões

O volante, com seis dezenas marcadas, custa R$ 4,50.
Mega-Sena sorteia nesta quarta-feira prêmio de R$ 45 milhões
Economia

Procura das empresas por crédito tem queda de 3,3% em setembro

É o terceiro mês consecutivo de queda
Procura das empresas por crédito tem queda de 3,3% em setembro
Saúde

Termina oficialmente na sexta-feira a campanha vacinação

Crianças de 1 a menos de cinco anos devem ser imunizadas contra a pólio; menores de 15 anos recebem a multivacinação
Termina oficialmente na sexta-feira a campanha vacinação
Geral

CNJ quer estimular leitura e esporte para ressocializar presos

Proposta contempla redução da pena de presos já condenados
CNJ quer estimular leitura e esporte para ressocializar presos
Ver mais de Brasil