Campeonato Catarinense 2020
Previsão

BC reduz para US$ 15 bilhões previsão de déficit das contas externas em 2016

24 Jun 2016 - 14h19
O Banco Central revisou a sua previsão para o resultado das transações correntes em 2016 de um déficit de US$ 25 bilhões para um déficit de US$ 15 bilhões. Apesar da melhora, a expectativa ainda é de um resultado negativo.

A conta de transações correntes é formada pela balança comercial (comércio de produtos entre o Brasil e outros países), pelos serviços (adquiridos por brasileiros no exterior) e pelas rendas (remessas de juros, lucros e dividendos do Brasil para o exterior). Trata-se de um dos principais indicadores do setor externo brasileiro.

Os números mostram que as transações correntes registraram superávit de US$ 1,2 bilhão em maio. Foi o segundo mês seguido de resultado positivo. Em abril, o superávit foi de R$ 412 milhões - o primeiro superávit mensal das contas externas desde abril de 2009, quando foi registrado um saldo positivo de US$ 124 milhões.

De janeiro a maio deste ano, porém, as transações correntes têm déficit de US$ 5,966 bilhões. Mas esse rombo é bem menor que os US$ 35,32 bilhões registrados nos primeiros quatro meses do ano passado.

Em 2015, as transações correntes encerraram o ano com um déficit de US$ 58,88 bilhões.

 

 

G1

Matérias Relacionadas

Educação

Inscrições para o SISU iniciam hoje

O prazo de seleção abre hoje e se encerra na sexta (24). São 237.128 vagas em 128 instituições de todo o país
Inscrições para o SISU iniciam hoje
Brasil

Novas placas de veículos serão obrigatórias a partir de 31 de janeiro

Padrão Mercosul será necessário para novos emplacamentos
Novas placas de veículos serão obrigatórias a partir de 31 de janeiro
Brasil

[VÍDEO] Hélice de helicóptero atinge caminhão ao iniciar decolagem em Rio Branco, no Acre

Ainda repercute na internet as imagens do acidente envolvendo um helicóptero e um caminhão no últim sábado (18) no Acre
[VÍDEO] Hélice de helicóptero atinge caminhão ao iniciar decolagem em Rio Branco, no Acre
Segurança

Após fuga de presos, fronteira com Paraguai tem policiamento reforçado

Segundo governo brasileiro, fronteira não foi fechada
Ver mais de Brasil