Coronavírus

[AO VIVO] Governo fala sobre ações de enfrentamento ao novo coronavírus

Participam os ministros Braga Netto, Mandetta e o presidente do BC

07 Abr 2020 - 15h41Por Da Redação
[AO VIVO] Governo fala sobre ações de enfrentamento ao novo coronavírus - Crédito: Unsplash / Ilustrativa Crédito: Unsplash / Ilustrativa

O governo federal atualiza, em entrevista coletiva, no Palácio do Planalto, as ações de enfrentamento à pandemia de covid-19. Participam os ministro da Casa Civil, Walter Braga Netto; da Saúde, Luiz Henrique Mandetta; além do presidente do Banco Central do Brasil, Roberto Campos Neto. 

Acompanhe ao vivo: 

Pagamento de auxílio emergencial

Na manhã desta quarta-feira (7), também em coletiva com o ministro da Economia, Paulo Guedes, o governo informou que começa a pagar nesta quinta-feira (9) a primeira parcela do auxílio emergencial de R$ 600 para pessoas inscritas no Cadastro Único (CadÚnico) com conta no Banco do Brasil ou poupança na Caixa Econômica Federal. Para os clientes dos demais bancos, o pagamento será feito a partir do dia 14 deste mês.

O segundo pagamento do benefício de R$ 600 ocorrerá entre 27 e 30 de abril, conforme a data de aniversário dos beneficiários. E a última parcela será paga de 26 a 29 de maio. A ideia é que todo o pagamento do benefício – as três parcelas de R$ 600 - seja feito em cerca de 45 dias, totalizando a liberação R$ 98 bilhões para 54 milhões de pessoas.

Aplicativo disponível

Desde as 9h de hoje, já está disponível para ser baixado o aplicativo CAIXA|Auxílio Emergencial que permitirá o cadastramento dos cerca de 20 milhões de trabalhadores informais para receberem a renda básica emergencial. Os aplicativos estão disponíveis para serem baixados na versão iOS e também Android.

Em seis horas de funcionamento, a Caixa Econômica fez o cadastro de 10 milhões de benefícios da renda básica emergencial, disse o presidente do banco, Pedro Guimarães, na tarde desta terça-feira. Segundo ele, ao considerar os eventuais pedidos rejeitados de quem não tem direito ao benefício, a expectativa é terminar o dia com 15 milhões a 20 milhões de trabalhadores cadastrados que começarão a receber o auxílio no dia 14.

Fonte: Agência Brasil

 

Matérias Relacionadas

Economia

Bolsonaro confirma mais duas parcelas do auxílio emergencial

Valor será menor do que os atuais R$ 600
Bolsonaro confirma mais duas parcelas do auxílio emergencial
Saúde

Covid-19: Brasil tem 614.941 casos; total de mortes chega a 34.021

De acordo com o Ministério da Saúde, 254.963 pessoas foram recuperadas
Covid-19: Brasil tem 614.941 casos; total de mortes chega a 34.021
Economia

Caixa libera saque da 2ª parcela de auxílio para nascidos em maio

Mais de 50 bancos participam da operação de pagamento
Caixa libera saque da 2ª parcela de auxílio para nascidos em maio
Política

Bolsonaro nomeia coronel para Secretaria Executiva da Saúde

Antonio Elcio Franco Filho foi nomeado hoje
Ver mais de Brasil