Caraguá
Inflação

51,8% dos reajustes salariais ficaram abaixo da inflação em agosto

28 Set 2016 - 11h31
Mais da metade (51,8%) dos reajustes salariais negociados no mês de agosto ficaram abaixo da inflação dos 12 meses anteriores, medida pelo INPC (Índice Nacional de Preços ao Consumidor), que foi de 9,6%. Os dados são da Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe), com dados do Ministério do Trabalho e Emprego.

Contudo, a média dos reajustes salariais em agosto foi igual à inflação acumulada nos 12 meses anteriores. Nas convenções coletivas, o ajuste mediano foi de 9,6%, e nos acordos coletivos, de 9,0%.

O estado do Acre apresentou o menor reajuste salarial em agosto, com perda de 5,6% em relação à inflação do período. Já a categoria com a maior perda salarial frente ao INPC foi extração e refino de petróleo (-3,9%).

Segundo o levantamento, a média do piso salarial com vigência em agosto foi de R$ 1.060 (20,4% maior que o salário mínimo, hoje em R$ 880). Nas convenções, o piso mediano foi de R$ 1.115, enquanto nos acordos, R$1.060.

 

As informações são do

Site G1

Matérias Relacionadas

Economia

WEG inaugura quinta fábrica de transformadores na América do Norte

Localizada na cidade de Washington a nova fábrica recebeu investimentos de 17 milhões de dólares e será dedicada à produção de transformadores de potência até 10 MV
WEG inaugura quinta fábrica de transformadores na América do Norte
Política

Senado aprova PEC da reforma eleitoral

Texto segue para promulgação
Senado aprova PEC da reforma eleitoral
Saúde

Anvisa recomenda quarentena ao presidente e comitiva brasileira

Ministro Queiroga testou positivo para covid-19 em viagem a Nova York
Economia

Dólar fecha acima de R$ 5,30 após anúncio do Banco Central americano

Bolsa subiu 1,84%, fechando em alta pelo segundo dia seguido
Ver mais de Brasil