70 anos rádio
Piermann
Henry Cavill

Henry Cavill diz que não flerta por medo de ser acusado de assédio

12 Jul 2018 - 19h15
"As coisas têm de mudar, absolutamente. É importante também manter as coisas boas, que eram uma qualidade no passado, e se livrar das coisas ruins", disse Cavill sobre o comportamento dos homens.

"Há algo de maravilhoso em um homem indo atrás de uma mulher. Eu acho que uma mulher deveria ser cortejada e perseguida, mas acho que eu sou tradicional por pensar assim", disse.

"É muito difícil fazer isso se há certas regras no lugar. Porque é assim: 'Bem, eu não quero levantar e ir falar com ela, porque eu serei chamado de estuprador ou algo assim'. Então você fica, tipo: 'Esquece, eu vou chamar uma ex-namorada, e depois voltar para um relacionamento que nunca funcionou de verdade'. Mas é mais seguro do que eu me jogar nas chamas de um incêndio, porque eu sou alguém que está sendo observado pelo público, e se eu flertar com alguém, quem sabe o que pode acontecer?", falou.

"Agora você não pode tentar persuadir alguém que disse 'não'. É tipo: 'Ok, tá bom'. Mas depois é: 'Ah, por que você desistiu?', e eu penso: 'Bem, porque eu não queria ir pra cadeia?", concluiu.

O posicionamento do ator gerou muitas críticas nas redes sociais.

Odontocap

Matérias Relacionadas

Seleção brasileira

Com desfalques, Brasil faz amistoso com o Uruguai em Londres

Essa será a penúltima apresentação do time comandado pelo técnico Tite em 2018. E a promessa é de jogão, isso porque o Brasil terá o Uruguai pela frente, em amistoso que será disputado em Londres.
Com desfalques, Brasil faz amistoso com o Uruguai em Londres
Governo Federal

Lorenzoni bate martelo e diz que governo de Bolsonaro terá Ministério da Cidadania

Expectativa

Sete em cada 10 pequenos empreendedores acreditam que 2019 será melhor para os negócios

Pesquisa feita pelo Sebrae com mais de 5,8 mil empresários aponta que a corrupção foi um dos principais fatores que prejudicaram seus negócios em 2018
Ver mais de Brasil